Papo das 9 #541 Zara, de novo

“Testemunhas que trabalham no local alegam que eram orientadas a identificar essas pessoas com estereótipos fora do padrão da loja. A partir dali, ela era tratada como uma pessoa nociva, que deveria ser acompanhada de perto. Isso geralmente ocorria com pessoas com roupas mais simplórias e pessoas de cor”, afirmou o delegado-geral da Polícia Civil do Ceará, Sérgio Pereira. A loja da Zara em Fortaleza foi denunciada por discriminar clientes. Não basta nos indignarmos com isso. É preciso agir. Seja seletivo quando for às compras.

CLIQUE PARA ASSISTIR