Um mês após a morte de Dom e Bruno nada efetivamente mudou na região

A Defensoria Pública da União e o MPF pedem uma indenização da União de R$ 50 milhões pelas mortes do indigenista Bruno Pereira e do jornalista Dom Phillips. Nesta terça-feira (5), o desaparecimento dos dois completa um mês. Veja a análise de André Trigueiro.

CLIQUE PARA ASSISTIR