Teste de coronavírus oferecido em farmácias dá falso negativo em 80% dos casos

O exame sorológico, que chega a custar R$ 500, promete acusar se a pessoa já teve contato com o vírus com apenas uma gota de sangue, mas André Trigueiro lembra que, segundo especialistas, ele não é preciso. O comentarista ressalta, portanto, que quem realiza esse tipo de teste pode se ‘autodeclarar inofensivo’.