Cinema e vídeo ambiental

A força do cinema ambiental pode ser medida pelo crescente número de filmes, vídeos e animações sobre os mais variados temas da atualidade. Entre as produções inscritas no Festival Internacional de Cinema e Vídeo Ambiental de Goiás (Fica) estão filmes que abordam a exploração de trabalhadores que desmatam florestas nativas para produzir carvão no Pará, a rotina desumana daqueles que sobrevivem no Aterro de Gramacho, em Duque de Caxias, na Baixada Fluminense, e o desaparecimento de uma das mais antigas profissões do mundo: os pastores na Serra da Estrela, em Portugal, os últimos do país.

Links:

– Entre no site do filme Estamira e saiba um pouco mais sobre o longa-metragem e o diretor Marcos Prado;

– No site G1 você pode assistir, na íntegra, ao curta-metragem Lixo, transmitido durante o Live Earth para mais de 2 bilhões de pessoas;

– Ente no blog do filme Ainda há Pastores? e conheça um pouco mais sobre o filme vencedor do IX Festival Internacional de Cinema Vídeo Ambiental. Para assistir ao trailler, entre na página oficial do filme.