Aqui se faz, aqui se come | Cidades e Soluções

 

O Cidades e Soluções abre espaço para alimentos saudáveis cultivados no perímetro urbano. Veja como essa ideia ganha força na Inglaterra, Alemanha e até aqui no Brasil.

 

ASSISTA AO VÍDEO

 

 

 

DICAS DE COMO PLANTAR COM POUCO ESPAÇO

Horta no apartamento

 

* Passo-a-passo de como se constrói um vaso do Marcelo Noronha, agrônomo orgânico:

– Importante ter no mínimo 4 a 5 horas de sol por dia.

– Pode plantar: orégano, manjerona, salsinha, cebolinha, cebolete.

– Precisam de mais profundidade: manjericão, alecrim.

– O cultivo no chão é melhor que o cultivo nos vasos, porque o vaso muitas vezes só tem um furo e isso trava a drenagem, causando problemas de fungos.

– Dica da cultura popular: colocar uma telha côncava dentro do vaso para fazer uma casinha e não entupir com argila expandida que é a primeira camada que a gente usa. Pode usar pedrinha também, mas a dica é usar a argila que, além de mais leve, drena melhor a água.

– A manta de bidim ou a areia de construção vem em seguida e elas impedem que a terra desça e saia pelo buraquinho.

– Em seguida, vem a primeira camada de terra adubada.

– Depois, a dica é misturar um pouquinho de areia ou substrato, que é uma terra solta que ajuda a penetração da água.

– Por fim, é só acomodar a muda e colocar uma complemento de terra pra deixar mais certinho

– Marcelo dá mais uma dica de mestre: não deixar a terra em contato com chuva e sol. O melhor é fazer uma camada bem fininha da “cobertura morta”, que pode ser de casca de pinus ou pedrinhas.

– Mas os cuidados não param por aí. Depois de 30 dias, a dica é fazer uma adubação de cobertura, colocando uma mão pequena de terra no entorno da mudinha.

– Jardineiras como salsinha, cebolinha, coentro, tomilho, orégano não precisam de profundidade, então pode-se colocar duas espécies por jardineira. Salsinha e cebolinha combinam bem. Salsinha com coentro, tomilho com manjerona e tomilho com orégano.Atenção: hortelã deve ser plantada sempre sozinha, porque a raiz é muito agressiva, domina o espaço e abafa a outra.

– Prefere o horário da manhã para regar. Pode também regar no fim do dia. Dias muito quentes, deve-se regar duas vezes. Dias muito frios, às vezes só duas ou três vezes por semana. Varia muito.

Fonte: http://www.minhacasaminhacara.com.br/jardim-e-horta-vertical/

 

* Plantas folhosas como couve, alface e rúcula conseguem se desenvolver com facilidade.

* Os tubérculos não são recomendados por causa da limitação na profundidade dos canteiros.

* Entre uma planta e outra é preciso deixar 15 cm.

Fonte: http://www.aloterra.com.br/como-construir-uma-horta-vertical-no-apartamento/

 

* A rega deve ser diária, e a adubação, a cada um ou dois meses, com fertilizantes naturais ou húmus de minhoca. No tratamento de pragas, também use apenas inseticidas naturais.

Fonte: http://casa.abril.com.br/materia/3-hortas-de-apartamento

* Confira algumas plantas com raízes curtas, ideais para vasos:
– cebolinha
– salsa
– coentro
– alface
– pimentão
– tomate-cereja
– morango
– couve-folha
– rúcula
– alecrim
– sálvia
– orégano
– manjericão
– calêndula

 

Fonte: http://revista.penseimoveis.com.br/especial/rs/editorial-imoveis/19,0,3846868,Temperos-de-apartamento-veja-como-montar-uma-horta-vertical.html