Por Mundo Sustentável | dezembro 31, 2015 12:16 pm

 

Entre às 23:59h de hoje e o primeiro segundo de 2016, já na contagem regressiva para a chegada do ano novo, estaremos inebriados de esperança – o sublime combustível da vida – e, possivelmente, nos atreveremos a acreditar que tudo aquilo que julgamos importante (saúde, trabalho, dinheiro, paz, amor,…) acontecerá para nosso deleite e usufruto.

A esperança é persistente. Sem ela não se levanta da cama. Mas para que essa pequena abertura no calendário cósmico universal – essa preciosa janela de oportunidade que se abre uma vez por ano a cada novo giro da Terra em torno do sol – dê efetivamente resultado, precisamos ir além dos pedidos. É bem verdade que eles emprestam sentido aos mais variados tipos de ritual e não há problema algum em pedir. Mas não podemos abdicar do poder que temos de transformar nossas vidas porque queremos, de construir nossos destinos porque desejamos, de encarar os desafios de frente porque é melhor assim, assumindo os riscos de ser o que se é.

Que a esperança não seja nossa única companhia à meia-noite de hoje.
Convoquemos também a coragem, que nos põe em marcha para a conquista dos objetivos que sabemos importantes.
E a fé, que nos empresta serenidade e lucidez principalmente nos momentos difíceis.

Pronto, que venha o réveillon.
2016 tem tudo para ser um ano inesquecível.
Depende de nós!

 

André Trigueiro